Calculadora Facit NTK

Máquina de cálculo mecânica

No mês em que se realiza a VI Feira da Matemática (dias 25 e 26 de outubro), destacamos uma máquina de calcular, em que para efetuar cálculos é necessário dar à manivela.

Trata-se de uma máquina, de funcionamento mecânico, que permite realizar as quatro operações fundamentais da aritmética utilizando um teclado apenas com os algarismos do sistema de numeração decimal (de 0 a 9) e três setas. Para adicionar ou subtrair é necessário girar uma manivela, para a frente ou para trás, respetivamente. As teclas com as setas, de avanço e de recuo, auxiliam as multiplicações e as divisões. As alavancas laterais servem para apagar os resultados dos respetivos visores. Operando a manivela com a mão direita e as teclas com a esquerda, obtêm-se resultados com grande rapidez.

Existem vários modelos de calculadoras Facit nas Coleções do MUHNAC. O exposto, durante este mês no átrio do Museu, proveio do Departamento de Matemática da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Segundo a documentação existente no Arquivo Histórico do Museu, em 1959, por exemplo, no Ofício N.º 103 de 29 de abril, o pedido, efetuado pelo Diretor da Faculdade de Ciências ao Reitor da Universidade de Lisboa de máquinas de calcular Facit e outros instrumentos de cálculo é justificado como “indispensáveis ao ensino prático” dos cursos de Cálculo Numérico, Mecânico e Gráfico e de Geodesia e das cadeiras de Mecânica Celeste, Topografia e Astronomia.

Nascidas de uma tecnologia criada no século XVII, as calculadoras Facit eram produzidas por uma das principais empresas de calculadoras mecânicas do mundo. Embora tenha perdido espaço com a chegada dos computadores, continuaram a “tilintar” em bancos, empresas financeiras e lojas de comércio até aos anos 70 do século XX.

English version